Estamos vivenciando a Era da Informação e temos visto diversos setores da indústria sendo transformados pela digitalização. Nesta Era, aderir a maneiras de digitalizar os processos da indústria já não é mais uma questão de escolha, mas sim de necessidade.

A necessidade de desenvolver o cenário da construção civil, que ainda se depara com processos conservadores e artesanais, levou à formação do EnRedes, um grupo colaborativo de 32 empresas do ramo da Construção Civil.

O núcleo EnRedes é uma iniciativa de Roberto de Souza, presidente do CTE, que visa a troca de experiências, compartilhamento de ideias e a colaboração mútua à transformação digital do setor através de eventos, estações de trabalho e apresentação de cases.

A Autodoc é uma das integrantes do grupo e tem contribuído com sua experiência de mais de 15 anos em tecnologia para a Construção Civil.

O desafio é buscar entender como aplicar a transformação digital no setor, e identificar as medidas necessárias para essa mudança. Todos os processos da Construção podem ser otimizados com a cultura digital.

No dia 30 de outubro, ocorrerá a Construdigital Conference 19, o primeiro evento do Brasil sobre transformação digital no setor da construção. A conferência será promovida na cidade de São Paulo pela Ambar e Enredes.

Serão 14 horas de palestras, painéis com bate-papos dinâmicos e arenas interativas sobre os principais temas focados em transformação digital e inovação.

Os principais assuntos abordados serão:

  • transformação digital no setor
  • visão do futuro
  • novas tecnologias
  • comportamento e tendência
  • empreendedorismo e negócio
  • sustentabilidade e responsabilidade social

A Construdigital Conference 19 será o maior evento da América Latina sobre transformação digital no setor da Construção Civil, e um importante passo para acelerar a inovação e aplicação de tecnologia em processos construtivos.

Dentre os palestrantes estão grandes nomes como o norte-americano Michael Marks, fundador da Katerra, maior Construtech do mundo. A empresa aplica tecnologia para elevar a produtividade na execução de projetos e recebeu o maior investimento da história de startups da construção no mundo com o aporte da SoftBank no valor de, aproximadamente, U$ 865 milhões.

Bruno Balbinot, fundador da Ambar acredita que a Construção Civil ainda é um dos setores mais tradicionais, com baixa adesão à tecnologia. Segundo ele, o Construdigital foi idealizado com o objetivo de mudar esse panorama e inspirar os participantes a repensarem o modelo atual.

Em sua participação, Roberto de Souza compartilhará sua experiência na Construção Civil discutindo os temas Industrialização, Sustentabilidade e Transformação Digital.

Confira a programação completa do evento e garanta seu ingresso em https://redeconstrudigital.com.br/

Autodoc

Author Autodoc

More posts by Autodoc

Leave a Reply