5 dicas para te ajudar a digitalizar o canteiro de obras - Site - Autodoc - Institucional
Skip to main content

A oferta de soluções digitais que prometem otimizar processos, elevar a produtividade e integrar equipes cresce a cada dia com a multiplicação das startups. Ao trazer inovação, esse movimento é benéfico para as empresas da construção. Afinal, esse setor ainda é bastante carente de tecnologias para auxiliar a gestão.

Mas a disponibilidade de tantas ferramentas agrega complexidade à tarefa de identificar a solução mais adequada para a realidade de cada empresa. Uma pergunta que muitos gestores se fazem é: Como saber se esse software será realmente útil para as minhas obras? 

Para responder essa questão, apresentamos cinco dicas para te ajudar a digitalizar o canteiro de obras e o que considerar ao escolher uma boa plataforma de gestão. Confira:

1 — Entenda a real necessidade da sua empresa

Antes de qualquer coisa, é importante olhar para dentro, analisar processos, recursos disponíveis, dores a serem solucionadas e oportunidades de melhoria. Algumas construtoras fazem isso com a formação de uma equipe interna para analisar a viabilidade das tecnologias disponíveis e selecionar, em um universo de múltiplas opções, as ferramentas mais aderentes.

Esse cuidado é importante especialmente para mapear as funcionalidades de maior valor para a empresa. De modo geral, o ideal é contar com uma plataforma que ofereça gestão integrada da obra de ponta a ponta, contemplando planejamento, orçamento e gerenciamento digital da execução.

Soluções robustas, como o Autodoc Eva, oferecem programação de curto prazo, gestão de avanço, fichas de verificação de serviço e controles de qualidade, apontamento de produção, além de dashboards com dados para auxiliar a tomada de decisão rápida e eficiente. Clique aqui para saber mais sobre essa ferramenta.

2 — Tenha a tecnologia na palma da mão

Já não faz sentido reter a digitalização em um computador fixo no escritório. A tecnologia precisa acompanhar o dinamismo de quem atua nas obras. Com a popularização da telefonia e dos serviços de Internet, tornou-se cada vez mais comum encontrarmos trabalhadores com smartphones em punho para ler projetos e assistir vídeos com instruções para a execução no canteiro 

Por isso, vale dar preferência às plataformas mobile e para o armazenamento em nuvem, que permitem acessar dados e informações a qualquer hora e local, adicionando agilidade.

3 — Avalie a qualidade do suporte técnico

Uma ferramenta digital útil precisa ser acompanhada de um suporte ao cliente adequado. O ideal é contar com um parceiro de tecnologia que consiga prestar auxílio sempre que a equipe precisar. 

Ao comparar fornecedores de tecnologia, uma dica é checar a reputação da empresa perante mercado, o histórico de clientes atendidos e o tempo de atividade.

4 — Priorize robustez e segurança

Além de suporte técnico, uma boa solução não pode negligenciar a segurança dos dados, evitando vazamentos indevidos e penalizações que podem custar caro. Para a segurança de quem contrata, é fundamental garantir que o fornecedor de tecnologia esteja alinhado a todos os requisitos legais. Um ponto especialmente sensível é o atendimento à Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais (LGPD).

5 — Agende uma demonstração

Para ter certeza de que uma ferramenta é a mais adequada para sua equipe e seus processos, nada melhor do que realizar uma demonstração. Esta é uma oportunidade de conhecer mais a fundo as funcionalidades da solução e checar se o design é amigável.

A Autodoc é parte da Ambar, o sistema operacional da nova construção civil. Ajudamos construtoras e incorporadoras a digitalizar o canteiro de obras, operando com mais eficiência e agilidade por meio de soluções tecnológicas presentes durante toda a jornada construtiva, do projeto à finalização da obra. 

Leia também:

Canteiros inteligentes: oportunidades e desafios para implantação

Em constante evolução, apps levam a gestão da construção para a palma das mãos

Estamos passando por instabilidades que estão acarretando atrasos no envio das notas fiscais de serviços e boletos. Informamos que estamos trabalhando para uma solução definitiva.

Caso você não tenha recebido o link das notas fiscais e/ou boletos, aguarde o envio.

Em alguns casos, você poderá receber mais de um e-mail repetido. Por favor, desconsidere as informações duplicadas. Se você recebeu o e-mail com informações erradas, por favor, abra um chamado.

Suporte financeiro