Conheça o que há de mais moderno em tecnologias de acesso no canteiro de obras - Site - Autodoc - Institucional
Skip to main content

Fique por dentro das tendências que estão chegando no setor de tecnologias no canteiro de obras e saiba como elas contribuem para obras mais seguras e eficientes.

Como é a sua rotina de acesso ao seu local de trabalho? Existe algum tipo de processo envolvido para verificar sua identidade ou suas intenções? Se a resposta for sim, essa jornada é facilitada? Se a resposta for não, você se sente seguro(a)? São muitas perguntas, mas não se preocupe: as tecnologias no canteiro de obras mais modernas podem solucionar todas elas.

Esse é um tema que parece ter se tornado muito mais relevante nos últimos tempos. É uma daquelas coisas das quais, uma vez que você começa a prestar atenção, simplesmente começa a notar sua importância.

E isso não é uma coincidência: existem muitos fatores que sustentam o destaque recente às tecnologias no canteiro de obras. Vamos conhecê-los:

A importância das tecnologias de acesso no canteiro de obras.

Será que estamos dando a atenção adequada a quem entra e sai dos canteiros de obra? Um controle rigoroso pode contribuir para evitar roubos, erros e o acesso de colaboradores que não estão aptos a realizar os serviços que acontecerão ali.

Basicamente, quando estamos falando do segmento de construção civil, estamos também abordando uma grande responsabilidade. Se você é um líder desse segmento, sabe do compromisso que tem com a segurança de centenas de profissionais, bem como com a comunidade ao seu redor. 

No entanto, você não pode deixar que isso prejudique suas tomadas de decisão. Você nunca vai conseguir estar ali o tempo todo verificando quem está no seu canteiro de obras e checando a documentação de cada colaborador. Mas o que você pode fazer é fornecer  tecnologias no canteiro de obras que sejam realmente eficientes.

Tecnologias de acesso com identificação de trabalhadores no canteiro de obras.

A tecnologia nos mostrou que a digitalização e a integração são maneiras de aproximar e não de separar. No mercado de construção civil não é diferente.

Para exemplificar esse movimento que está surgindo entre as empresas mais sofisticadas do segmento, vamos propor duas situações: na primeira, imagine que uma pessoa mal intencionada decida invadir o seu canteiro de obras. 

Quando o horário comercial se inicia, há um enorme fluxo de pessoas entrando. No meio dessa onda, esse indivíduo acaba passando despercebido e acessando locais privilegiados que não deveriam estar abertos ao público. Além do perigo envolvido, é possível que seu projeto seja interrompido e que isso cause danos orçamentários e de imagem diante do seu público-alvo.

No segundo caso, suponha que um profissional de confiança entra em seu canteiro e exerce suas funções normalmente. Tudo parece bem, até que um órgão fiscalizador decide fazer uma análise nos registros da sua equipe.

Sem que você ou o colaborador em questão soubessem, ele estava atuando com um documento vencido. Por mais que você não tenha feito isso intencionalmente, há uma multa e uma penalização.

Ambos os cenários poderiam ter sido diferentes se você tivesse pensado em identificação ainda nos primeiros passos do seu projeto. Se houvesse uma etapa básica de verificação como uma catraca de identificação facial, você poderia ter bloqueado a entrada de pessoas perigosas, bem como emitido um alerta que encaminha o profissional com documentos vencidos para um setor responsável pelos ajustes necessários.

Vantagens de digitalização no canteiro de obras.

Você poderia fazer todas essas verificações de forma manual? Sim, poderia. Mas essa verificação de documentos, checagem de prazos e revisão de históricos levaria no mínimo alguns minutos, gerando filas e sujeita a erros humanos.

Uma vez que é digitalizado e aplicado ao sistema de catracas, esse processo tem seu desempenho aumentado significativamente. Para que você tenha noção do impacto dessa metodologia, pense no metrô de São Paulo. 5 milhões de pessoas são atendidas diariamente e passam por catracas para confirmarem a aquisição de uma passagem. 

Mas e se além de verificar a passagem, fosse possível também verificar a identidade de alguém e checar a validade da sua entrada? É exatamente isso que as tecnologias no canteiro de obras podem fazer por você.

Além disso, também contamos com a questão sustentável, já que estamos falando da economia de milhares de pacotes de papel e da otimização do tempo do seu quadro de funcionários, que pode passar a ocupar o tempo com questões que demandam a participação humana. 

Como seus passivos trabalhistas podem ser impactados pelas tecnologias no canteiro de obras?

No Brasil, a contratação de trabalhadores sem a capacitação exigida pode ser enquadrada como uma “infração média”, com multa de R$ 402,53 a R$ 4.025,33, conforme previsto na alínea “e” do item 1.8 da Norma Regulamentadora 01 (NR-01), que dispõe sobre a fiscalização e o cumprimento das normas de segurança e saúde no trabalho.

Imagine que você contrata uma construtora e, de repente, tem seu projeto atrasado e o orçamento estourado por conta da presença de profissionais sem regulamentação no canteiro de obras. Com certeza, sua primeira reação seria de total desconfiança com a seriedade da empresa envolvida.

De fato, essa atitude demonstra uma falta de comprometimento dos gestores com a escala de funcionários. Mas acredite, muitas vezes essa prática não é intencional. Em diversos casos há uma certa dificuldade de controlar os prazos e os vencimentos dos registros dos colaboradores, o que permite que pessoas que já não estão mais em dia com os órgãos fiscalizadores acabem trabalhando.

Esse é um caso do bom e velho “não foi sua culpa, mas também foi”. Como? Te explicamos: apesar de não ter sido sua intenção causar esse problema, foi sua escolha não ter optado por um sistema de acesso ao canteiro de obras.

E isso acontece com mais frequência do que você imagina. É comum que multas e penalidades por documentação irregular se acumulem e prejudiquem significativamente os orçamentos até mesmo de empresas de grande porte. 

Se você anda sofrendo com o aumento de passivos trabalhistas, criamos algumas alternativas que podem te ajudar. Confira essa leitura e aproveite nossas dicas! 

Softwares de integração como tecnologias no canteiro de obras.

Um bom engenheiro deve estar sempre presente no canto de obras e participar constantemente da evolução de um projeto. Mas será que mesmo em tempos de pós-pandemia, em que as tecnologias aplicadas na construção civil avançaram tanto, ainda é preciso seguir os padrões determinados há dezenas anos atrás?

Não há problema nenhum em ainda utilizar as plotagens de plantas tradicionais. Mas hoje em dia, há problemas sérios em não optar também por sistemas que integram os diversos segmentos da sua construção.

Contar com plantas imersivas em 3D, verificações via QR Code, consultas de arquivos e pesquisa facilitada são apenas alguns exemplos de práticas que podem ser digitalizadas e concluídas a partir de um smartphone ou tablet.

Agora imagine só se tudo isso estiver conectado ao seu sistema de acesso ao canteiro de obras. É uma integração completa para aumentar a produtividade, reduzir riscos de erros e otimizar sua forma de gestão a partir de soluções simplificadas e voltadas ao uso assertivo.

Quais são os primeiros passos para utilizar as tecnologias no canteiro de obras?

Uma vez que nós passamos a entender o que a tecnologia pode fazer pelos nossos projetos, fica difícil entender como conseguimos chegar até aqui sem elas, não é mesmo? Sendo assim, você deve estar se perguntando também como começar a mudar essa realidade.

Não se preocupe: a parte boa da digitalização é que aderir à ela pode ser tão fácil quanto utilizá-la. Por exemplo: optando por fechar uma parceria com uma empresa do nível da Autodoc, você acessa um amplo catálogo de soluções pensados especificamente no seu nicho.

Enquanto centenas de marcas se posicionam como plataformas gerais, a Autodoc foca no segmento de construção civil e entende cada etapa que envolve a conclusão de um imóvel. É por isso que tanto as catracas quanto os sistemas de gestão de projetos como o GD4 fazem tanto sentido juntos: eles foram feitos para proteger o seu canteiro de obras tanto na parte física quanto na burocrática.

Como dissemos antes, é impossível lembrar de cabeça de todos os prazos, documentos e registros que são necessários em um projeto, bem como ter a certeza de que o fluxo de pessoas está ocorrendo como deveria. Mas é possível saber que os seus parceiros estão cuidando disso de forma ágil e assertiva, e que você tomou a decisão certa ao optar pela garantia de segurança e satisfação de todos os envolvidos com as melhores tecnologias no canteiro de obras.

Estamos passando por instabilidades que estão acarretando atrasos no envio das notas fiscais de serviços e boletos. Informamos que estamos trabalhando para uma solução definitiva.

Caso você não tenha recebido o link das notas fiscais e/ou boletos, aguarde o envio.

Em alguns casos, você poderá receber mais de um e-mail repetido. Por favor, desconsidere as informações duplicadas. Se você recebeu o e-mail com informações erradas, por favor, abra um chamado.

Suporte financeiro