Skip to main content

Há quem enxergue o BIM (Building Information Modelling) como uma tecnologia acessível somente para grandes empresas com perfil inovador. Ajudam a explicar esse pensamento aspectos como abrangência, licenças de softwares e as profundas transformações em processos envolvidas em uma implantação BIM. Contudo, a modelagem da informação da construção é solução também para as empresas de menor porte. Para essas companhias, o BIM vem se tornando condição para a manutenção da competitividade perante os grandes escritórios, para garantir produtividade e assegurar perenidade. 

O Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas), inclusive, vem incentivando o uso do BIM por entendê-lo como uma oportunidade para reduzir custos, elevar a transparência no planejamento e dar mais precisão a orçamentos e cronogramas. 

No post de hoje você pode conferir algumas boas práticas para auxiliar os pequenos e médios empresários em suas jornadas BIM. Continue conosco:

1- Defina quais são os seus objetivos e necessidades relacionados ao BIM

Iniciar uma jornada BIM é uma tomada de decisão estratégica que requer, antes de tudo, um trabalho de autoavaliação. É necessário analisar as capacidades de sua empresa, avaliar a equipe, mapear processos e, principalmente, determinar o que se espera do uso da tecnologia. Reduzir custos, mitigar erros, diminuir o tempo de entrega de projetos e elevar a competitividade são alguns motivos que explicam o interesse de pequenos e médios empresários pelo BIM.

2- Procure apoio e invista em capacitação

“A migração para o BIM é uma transformação que requer planejamento, investimento em treinamento, em licenças e em transformação da prática”, sintetiza a professora da Unicamp, Regina Ruschel. Ela recomenda às empresas de menor porte começar investindo em especialização. “A ideia é fazer uma implementação gradativa, à medida que esses profissionais vão adquirindo mais conhecimento”, sugere. 

Uma solução interessante para apoiar a transformação BIM em escritórios de projeto e empresas de menor porte é o Projeto BIM Colaborativo. Trata-se de um, programa de capacitação 100% online que conta com o apoio da Autodoc e, potencializou a jornada BIM de 50 empresas e mais de 100 profissionais do setor ao longo de 2021.

3- Conheça o maior número possível de alternativas tecnológicas

Segundo Laura Lacaze, gerente do BIM Colaborativo, uma dificuldade comum aos pequenos e médios empresários é entender quais alternativas tecnológicas estão disponíveis. Há múltiplas soluções e o empresário não consegue compreender as funcionalidades de cada uma delas. Buscar informações, referências e testar é a dica para escolher uma plataforma tecnológica mais adequada às suas necessidades.

4- Elabore um BIM Mandate e faça um projeto-piloto

Há três documentos valiosos que precisam ser elaborados pelas empresas que querem migrar para o BIM. O primeiro deles é o plano de implementação, que define políticas, procedimentos, objetivos, estratégias e ações para garantir que os fluxos de trabalho sejam gerenciados com sucesso. Há também o BIM Execution Plan, com diretrizes e critérios para implantar a modelagem da informação em um projeto específico. Por fim, existe o BIM Mandate, manual onde são detalhados diretrizes, especificações e padrões esperados dos modelos. 

A implementação do BIM sem planejamento é causa de frustrações como atrasos nas entregas, perda de produtividade e desmotivação da equipe. Por isso, para quem está iniciando, uma prática recomendada é começar por um projeto-piloto, de preferência mais simples. e com mais prazo. 

5- Invista em colaboração

A colaboração é chave para o sucesso do BIM. O objetivo é permitir que as diferentes disciplinas trabalhem juntas na confecção do modelo, inclusive realizando compatibilização conjunta. Os profissionais que atuam em pequenas e médias empresas, assim como os demais, precisam desenvolver habilidades de colaboração. Para auxiliar essa empreitada, o mercado disponibiliza várias ferramentas. Destaque para o Autodoc Projetos 4BIM, que permite a interação com os modelos 3D e a sua visualização pelo navegador web sem exigir licença de software de BIM. Clique aqui e agende uma demonstração!

Para quem quer aprofundar conhecimentos sobre a modelagem da informação da construção, a equipe de Autodoc preparou uma série de e-books disponíveis para download gratuito. Não deixe de conferir:

Autodoc

Author Autodoc

More posts by Autodoc

Leave a Reply